object(WP_Post)#9613 (24) { ["ID"]=> int(39944) ["post_author"]=> string(1) "1" ["post_date"]=> string(19) "2024-05-20 09:21:47" ["post_date_gmt"]=> string(19) "2024-05-20 12:21:47" ["post_content"]=> string(9292) "

We are the champions! Alguém ai está surpreso que o campeão da Premier League da temporada 23/24 é o Manchester City? Pelo visto, não…

Em uma reta final beirando a perfeição, os citizens venceram a sua nona partida seguida no campeonato inglês e conquistaram o tetracampeonato consecutivo.

Mas, antes de falarmos sobre essa década recheada de conquistas pelo time do City, é importante relembrar que, num passado não tão distante, o clube era só mais um mero coadjuvante no futebol inglês.

O início de tudo…

O clube foi fundado em 1880 pela paróquia São Marcos para ser uma forma de entretenimento para os jovens trabalhadores que moravam na cidade no início da Revolução Industrial.

Seu primeiro nome foi St.Mark’s, mas sete anos depois passou a se chamar Ardwick Association Football Club.

O primeiro título oficial veio no finalzinho do século XIX, quando conquistou a 2ª divisão inglesa. Durante quase 100 anos, o time do City nunca figurou entre as principais equipes do país, vivendo na sombra do arquirrival United.

(Imagem; Manchester City | Reprodução)

Final do século desastroso

Na temporada 1992/93, o City foi um dos 22 clubes que fundaram a Premier League, mas a nova era do campeonato inglês não trouxe boas lembranças para o lado azul de Manchester.

Enquanto os Red Devils conquistaram 13 títulos da Premier League sob o comando do lendário Sir Alex Ferguson, o City amargou a pior fase de sua história.

A equipe retornou à elite do futebol inglês em 2000/01, mas caiu novamente na temporada seguinte. A volta definitiva à Premier League só ocorreu em 2002/2003.

Com uma inconstância notável, era difícil vislumbrar conquistas relevantes para o clube.

Ajudinha dos árabes ($$$$$$$$)

O começo da transformação começou, pra valer, em setembro de 2008, quando Mansour bin Zayed Al Nahyan, membro da família real de Abu Dhabi, se tornou o novo proprietário da equipe.

Sob nova direção, o City passou a figurar entre os primeiros colocados da Premier League. Em 2010/2011, o clube encerrou um jejum de 35 anos sem títulos ao vencer a Copa da Inglaterra.

Na temporada seguinte, foi a vez de quebrar o longo tabu sem conquistar o campeonato inglês.

O City terminou o campeonato empatado em pontos com o United, mas se sagrou campeão por ter um saldo de gols maior. Imagina a felicidade que deve ter sido. risos.

O “dono das taças” chegou em 2016

(Imagem: X | Reprodução)

As coisas já estavam começando a mudar pro City, mas a cereja do bolo veio em 2016 com a contratação do técnico Pep Guardiola.

O primeiro ano passou batido, mas, depois, o que não faltou para o clube foram taças. Na temporada 17/18, o clube voltou a conquistar a PL com a maior campanha da história ao somar 100 pontos em 38 rodadas.

No ano seguinte, a Inglaterra foi novamente pintada de azul. Somente em 2019 que o Liverpool de Klopp conseguiu furar o domínio de Guardiola e seus comandados.

Desde a chegada de Guardiola, o City levantou 17 troféus, incluindo 6 Premier League e 1 Champions.

Já com a conquista do último domingo, o treinador chegou a 12 títulos de ligas em 15 anos como treinador, além de um aproveitamento superior a 80% dos pontos disputados. Esse número é simplesmente surreal.

Foden neles!

(Imagem: Manchester City | Reprodução)

Em uma equipe completa das mais valiosas estrelas do futebol mundial, tinha que ser dele os gols definitivos para a conquista do tetracampeonato da Premier League.

Torcedor do City desde criança, Phil Foden está no clube desde os nove anos de idade. Para se ter uma ideia, em 2014, ele atuava como gandula nos jogos do seu time de coração.

As duas últimas bolas na rede vieram contra o West Ham para garantir os três pontos que o Manchester City tanto precisava para conquistar o campeonato inglês pela décima vez — e se tornar o 4° maior campeão da história.

" ["post_title"]=> string(80) "De modesto a imbatível: A evolução do Manchester City para a era dos títulos" ["post_excerpt"]=> string(0) "" ["post_status"]=> string(7) "publish" ["comment_status"]=> string(6) "closed" ["ping_status"]=> string(6) "closed" ["post_password"]=> string(0) "" ["post_name"]=> string(75) "de-modesto-a-imbativel-a-evolucao-do-manchester-city-para-a-era-dos-titulos" ["to_ping"]=> string(0) "" ["pinged"]=> string(0) "" ["post_modified"]=> string(19) "2024-05-20 09:21:48" ["post_modified_gmt"]=> string(19) "2024-05-20 12:21:48" ["post_content_filtered"]=> string(0) "" ["post_parent"]=> int(0) ["guid"]=> string(44) "https://thenews.waffle.com.br/sem-categoria/" ["menu_order"]=> int(0) ["post_type"]=> string(4) "post" ["post_mime_type"]=> string(0) "" ["comment_count"]=> string(1) "0" ["filter"]=> string(3) "raw" }